Eletricidade e Gás

Ligue já!

Contáctanos para nuevas contrataciones
o
Nós te chamamos
O número de telefone é obrigatório Deve inserir um número de telefone correto
Acepto la política de protección de datos.
Para continuar, deve aceitar a política de proteção de dados

Fator conversão Gás natural

a) O que é o Fator de conversão

Uma vez que o Regulamento das Relações Comerciais publicado pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE), define que os consumos de eletricidade e gás natural têm de ser faturados de acordo com uma unidade de medida comum, neste caso o quilowatt-hora (kWh) é necessário recorrer a um fator de conversão.

Uma vez que no contador de gás Natural a leitura é efetuada em metros cúbicos (m3), é necessário posteriormente convertê-lo para a unidade de kWh.

 

b) Como é efetuada esta conversão?

O fator de conversão é calculado pela multiplicação do Poder Calorífico Superior do Gás Natural (PCS), pelo Fator de correção por temperatura (Fct) e pelo Fator de correção por pressão (Fcp).

Em resumo:

Consumo (kWh) = Consumo (m3) x Fator de Conversão
Fator de Conversão = PCS x Fct x Fcp

Onde:

PCS - Valor correspondente à média aritmética dos valores de PCS mensal, relativos a todos os meses já concluídos e englobados no período de faturação. Os valores de PCS mensal são determinados pela média aritmética dos valores de PCS diário correspondentes disponibilizados pelo Operador de Rede de Transporte. Todos os valores de PCS são publicados em condições Normal de pressão e temperatura (P = 1013,25 Pa e T = 0 ºC).

Fct - Fator de correção da temperatura que é necessário pelo facto do gás ser distribuído a uma temperatura diferente da temperatura de referência do PCS (0 ºC). Este fator é calculado pela fórmula 273,15/(273,15+Tgás) em que Tgás corresponde à temperatura média, em ºC, da zona de distribuição onde se situa a instalação. 

Fcp - Fator de correção da pressão que é necessário devido ao facto do gás ser entregue na instalação do Cliente a uma pressão diferente da pressão de referência do PCS (pressão relativa de 0 Pa). Este fator é calculado pela fórmula (Pr+1013,25)/1013,25, em que Pr é a pressão relativa de fornecimento em mbar.

Em caso de dúvida, poderá ligar para a Linha de Atendimento REPSOL, disponível nos dias úteis das 09.00h às 20.00h, que o ajudará em todo o processo ou no esclarecimento qualquer dúvida.

Número da Linha de Atendimento REPSOL: +351 21 054 0000 (Custo de uma Chamada para a rede fixa nacional)