Contacte-nos
Contáctanos para nuevas contrataciones
o
Nós te chamamos
O número de telefone é obrigatório Deve inserir um número de telefone correto
Acepto la política de protección de datos.
Para continuar, deve aceitar a política de proteção de dados
Hero.jpg
Hero.jpg
Hero.jpg

Ligantes Especiais

Desenvolvemos produtos baseados na eco-eficiência

As melhores soluções com os nossos ligantes especiais

Usuario

Trabalhamos com um modelo baseado na satisfação do cliente, dos empregados e num impacto positivo na sociedade.

Check

Implementamos uma política de qualidade de acordo com as exigências do entorno.

Clasificación

Comercializamos os melhores ligantes especiais do mercado.

03_BloqueContenido.jpg

Betume modificado de alto desempenho PMB 45/80-75F

Ligante que utilizado na mistura, supera em grande medida o desempenho dos betumes modificados tradicionais, proporcionando uma maior coesão, o que permite composições granulométricas mais críticas e uma maior resistência às deformações permanentes.

Ver Ficha Técnica
Betume modificado de alta viscosidade PMB 45/80-75 AV

Concebido para misturas resistentes à propagação de fissuras. Graças à alta qualidade e valor técnico do PMB 45/80-75 AV, é possível minimizar a manutenção e aumentar a vida útil do pavimento e a economia de custos.

Ver Ficha Técnica
Betumes com pó de borracha de pneus fora de uso (PNFU)

Desenvolvemos uma tecnologia própria para utilizar a borracha de pneus fora de uso que melhora o comportamento dos betumes e, simultaneamente, melhora o ambiente.

Ver Fichas Técnicas
01_BloqueContenido.jpg

Betumes de baixa temperatura

Esta gama de produtos, devido à diminuição da temperatura durante o fabrico (20 a 40ºC), permite:

  • Redução das emissões à atmosfera.
  • Eficiência energética.
  • Melhora das condições de trabalho
Ver Ficha Técnica
Betumes ativados

Os betumes podem apresentar problemas de adesividade, com determinados tipos de agregados. Assegura um comportamento agregado-ligante fiável quando misturado.

Ver Ficha Técnica
Betume multigraduado

Apresenta uma suscetibilidade térmica mais baixa do que o betume convencional e é o mais adequado para determinadas zonas do país. Sendo recomendável para estradas sujeitas a temperaturas de operação e gradientes térmicos extremos.

Ver Ficha Técnica
02_BloqueContenido.jpg

Ligantes sintéticos pigmentáveis

Com estes ligantes é possível obter pavimentos numa ampla gama de cores ou sem pigmentação. Aplica-se para a pavimentação de parques e jardins, ciclovias, zonas pedonais etc.

Ver Fichas Técnicas
Betume anticarburante

Concebido para o fabrico de misturas aplicadas em áreas onde o derrame de combustíveis e lubrificantes é frequente: zonas aeroportuárias, vias para autocarros, estacionamentos ou estações de serviço, entre outras.

Ver Ficha Técnica
Betumes especiais para reciclagem

Cientes das melhorias que fornecem as técnicas de reciclagem ao nível económico, social e ambiental, desenvolvemos uma gama de betumes para otimizar as atuais técnicas de regeneração das camadas de pavimento envelhecidas.

Ver Ficha Técnica
Recofal S-100P

Este ligante sintético pigmentável de elevadas prestações, é um produto aglomerante com propriedades semelhantes às do betume.

Ver Ficha Técnica

Têm dúvidas?

O betume é um ligante preto, sólido ou muito viscoso à temperatura ambiente, insensível à água, cuja viscosidade diminui com a temperatura. Estas propriedades tornam-no adequado para o seu emprego na construção de estradas e impermeabilização de superfícies.

Uma estrada é uma infra-estrutura linear, cuja função é permitir o tráfego rodoviário de veículos, em condições adequadas de segurança e conforto. A construção de uma estrada é uma tarefa complexa e depende fundamentalmente do serviço que vá prestar. Basicamente, uma estrada configura-se à base de espalhar sucessivas camadas de materiais pétreos, de diferentes qualidades e resistências, em função da sua posição na estrutura da secção da estrada. Construtivamente, haverá diferenças, se temos de escavar no terreno para situar a nossa estrada (desmontes) ou se temos de acrescentar terreno (aterros). O maior "inimigo" das estradas, é o que as "desgastam", são as importantes cargas dos veículos pesados e os agentes climatológicos. As últimas camadas, sobre as quais estão em contacto directo os pneus dos veículos com a estrada, constituem o pavimento das mesmas. A maioria dos pavimentos de estradas constroem-se à base de misturas betuminosas, isto é, com mistura de pedras seleccionadas em tamanho e qualidade (seco) e betume ou asfalto, que é a "cola" preta que "une" as ditas pedras, para que a passagem dos veículos por cima delas não as desagregue.

A utilização de materiais tratados com cimento em alguma das camadas do pavimento de qualquer superfície pode dar lugar à possível reflexão de fissuras de retracção, de endurecimento ou térmica, destas camadas à superfície do pavimento, com os conseguintes problemas de incomodidade para o utilizador, risco de entrada de água no pavimento, deterioração da camada de desgaste,…

Além do mais, como já se mencionou em anteriores perguntas, a exposição do betume à intempérie faz com que se produza uma oxidação pelos raios ultravioletas procedentes do sol e pelo contacto com o oxigénio do ar, perdendo o betume as suas fracções mais ligeiras, tornando-se rígido e, portanto, perdendo as suas qualidades de flexibilidade e capacidade de adesão aos agregados da mistura.

Existem numerosos tipos de pavimentos em função da zona climática em que se encontram, assim como do tráfego que suportam. Deste modo, têm-se diferentes tipos de misturas, com diferentes granulometrias, e o tipo de ligante a empregar é diferente em cada caso, dependendo das exigências que deva suportar a estrada.

Também se considera que o tipo de mistura empregue para o pavimento de uma estrada de montanha não é o mesmo que o empregue numa via rápida de uma zona quente, além do mais, os requisitos exigidos para cada um dos componentes da mistura betuminosa são diferentes.